12
Agosto
2016
0
//www.danilomachado.com.br/media/user/images/original/10001_k6.jpeg

Não pague 10%

Criado: 12 Agosto 2016 | Atualizado: 05 Maio 2017
Tamanho da fonte
pequena
normal
grande
Versão para impressão
imprimir
Gorjeta, segundo wikipedia, é o dinheiro pago a um funcionário por um bom serviço. No entanto aqui no Brasil essa gorjeta que deveria ser paga ao garçom, caso o serviço fosse de qualidade, tomou um rumo um tanto quanto escuso.

Não Pague 10%

Gorjeta, segundo wikipedia, é o dinheiro pago a um funcionário por um bom serviço. Adoro a idéia de ser pago por performance e não por tempo disponível para determinado trabalho, porquanto valoriza os profissionais mais dedicados e eficientes e os encorajam a estarem sempre melhorando os serviços prestados.
No entanto aqui no Brasil essa gorjeta que deveria ser paga ao garçom, caso o serviço fosse de qualidade, tomou um rumo um tanto quanto escuso de acordo o meu ponto de vista.
Por esta razão vou listar 3 motivos pelos quais deixei de pagar os 10% tão comumente cobrados aqui no Brasil:

Razão n°1 - A gorjeta brasileira vem com cara de imposto.

Observe:
Digamos que eu fui sozinho ao restaurante X e pedi uma única garrafa de vinho que custa R$100,00. Então o valor a ser pago de gorjeta seriam R$10,00, certo?
Agora, digamos que eu fui sozinho ao mesmo restaurante e pedi uma garrafa de vinho de R$10,00. Então o valor a ser pago de gorjeta neste caso seria R$1,00, certo?
Mas espere?!
Eu estou pagando um imposto sobre o produto ou estou pagando pelo serviço do garçom? Se estou pagando pelo serviço do garçom ,qual seria a diferença entre abrir uma garrafa de vinho de R$100,00 e servi-la e abrir uma garrafa de vinho de R$10,00 e servi-la? Qual foi o esforço extra que o garçom fez ao abrir a garrafa de vinho mais cara que justifique um pagamento 10X maior?

Razão n° 2 - O dinheiro não vai para o profissional que realizou o serviço.

Sempre que me sento em algum bar ou restaurante que não conheço a primeira pergunta que faço ao garçom, quase como um sussurro, é: aqui os 10% vão para vocês? E em 99% dos casos sempre recebo o mesmo sussurro de volta: naaaão…

Razão n° 3 - Sonegação fiscal.

Como 99% dos estabelecimentos não repassam as gorjetas para os funcionários que prestaram o serviço, seja integralmente ou parte dela, isso indica que o dono do estabelecimento está tendo um faturamento 10% maior e livre de impostos, pois o valor das “gorjetas" não é taxado.

É claro que, como escrevi no inicio deste texto, eu adoro a idéia de ser pago por performance e quando encontro um profissional que me prestou um bom serviço eu sempre irei recompensá-lo. Mas, farei isso pagando diretamente a ele e um valor que considero justo que poderá ser maior ou inferior do que os habituais 10%.

Grande abraço.

P.S. Deixe seu comentário abaixo sobre seu posicionamento em relação aos 10% cobrados em nossos bares e restaurante

Instagram: @danilomachado50k
FaceBook: DaniloMachadoPalestrante
YouTube: DaniloMachadoPalestrante

O que você achou desta informação?


0

 

Comentários

Faça parte da notícia, deixe seu comentário, expresse sua opinião.
Ricardo Valdés
12 Agosto 2016 | 14:56 pm

Excelente texto e algo que é preciso saber para quando estamos sendo servidos em restaurantes e bares.... Valeu Danilo!


Fausto
12 Agosto 2016 | 14:43 pm

Post perfeito.
Inclusive, aprendi há muito tempo que a boa gorgeta é dada antes do início do serviço.
Assim, o garçom lhe dá mais atenção e realmente faz por merecer o extra...


E-mail protegido, também não gostamos de SPAM

Sua mensagem foi enviada com sucesso!